diversos

Memorias do Carnaval

Memorias do Carnaval

Falar e lembrar o carnaval de João Pessoa é trazer na memória a figura de um dos mais entusiastas dessa festa popular na Paraíba: o Major Ciraulo. Descendente de Italiano, o Major Ciraulo era um amante da Paraíba e das manifestações populares. Foi ele que, com seus blocos de rua na cidade de João Pessoa, colocou em prática a primeira Unidade Móvel Sonorizada. Era, na verdade, o princípio do que viria a ser depois os conhecidos trios elétricos da Bahia.

  • MEMÓRIAS DO CARNAVAL

    Foi Major Ciraulo, em João Pessoa, que pela primeira vez adaptou um caminhão em formas diversificadas, de acordo com o tema do bloco, e em cima dele, colocou uma banda para tocar  com  sonorização de uma caixa acústica e um sonofletor, conforme imagem na foto da capa.  
    Esses veículos adaptados para o carnaval, geralmente eram caminhões e/ou trator com reboques, e eram projetados sonoramente pelo técnico em eletrônica Newton Monteiro, com iluminação com gerador próprio. Todo esse aparato desfilava pelas ruas de João Pessoa na década de 1940, muito antes dos grandes trios elétricos da Bahia. Antes disso, no entanto, Major Ciraulo já havia criado o primeiro bloco chamado E.T.L e F. (Estamos Todos Logrados e Falidos), ainda sem os veículos sonorizados, que animou os foliões da Capital paraibana em 1931.
    Todo esse resgate carnavalesco tem à frente o produtor cultural Eduardo Stuckert, que há anos vem dando visibilidade ao trabalho e à criatividade do Major Ciraulo, com o propósito de divulgar a cultura da Paraíba e desenvolver projetos que tornem esse fato conhecido nacionalmente, sendo que para isso precisamos de espaço específico para as grandes festas como o São João e o Carnaval. “A proposta é que seja criado um “foliódromo”, palco da foliada, que é o Projeto Major Ciraulo, com toda uma estrutura profissional no Extremo Oriental das Américas”, ressalta.

    Para se ter uma idéia , o bloco do Major Ciraulo animou os carnavais da cidade durante mais de trinta anos até a morte do seu criador, em 1963, aos 58 anos de idade. Além de muita irreverência o bloco E.T.L e F., tinha como característica uma linha crítica, de defesa aos pobres, através da exigência de melhorias de serviços essenciais para a população. Daí a importância do Major Ciraulo não só como carnavalesco, mas como um homem que se preocupou com o social e com os menos favorecidos.

     

     

    Essa imagem da década de 40 mostra a Unidade Móvel Sonorizada com iluminação própria através de gerador

    Bloco ETL e F, do Major Ciraulo, fazia uma espécie de "Virgens" dos anos 40

    Carro alegórico adaptado e puxado pela avenida por tratores e carroções 

    Alegorias com frases de humor inventadas pelo Major Ciraulo

    Famoso carro alegórico do "Tubarão" em desfile do bloco ETL e F, do Major Ciraulo